Os técnicos das cidades que compõem o Consórcio Intermunicipal de Manejo dos Resíduos Sólidos da RMC (Região Metropolitana de Campinas), o “Consórcio do Lixo”, têm um encontro marcado na superintendência regional da Caixa Econômica Federal, em Campinas, no próximo dia 7 de abril.
 

O grupo vai apresentar ao banco oficial as justificativas da carta-consulta ao PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) 2, para a liberação do R$ 1,3 milhão obtido pela Prefeitura de Nova Odessa para a realização projetos regionais na área de resíduos sólidos.

O anúncio foi feito aos prefeitos nesta segunda-feira, 28 de março, durante a reunião mensal do Consórcio, que aconteceu em Nova Odessa, cidade sede do grupo.

“Este encontro com a Caixa foi marcado para que apresentássemos os esclarecimentos sobre da carta consulta ao PAC 2. Assim, os técnicos vão explicar ao banco os motivos pelos quais o pedido de R$ 1,3 milhão foi feito ao Governo Federal. A carta-consulta já está sob análise da Caixa”, explicou Vilson Ribeiro do Amaral, diretor de Relações Institucionais de Sumaré.

Os R$ 1,3 milhão tinham sido solicitados inicialmente ao PAC 2 pela Prefeitura de Nova Odessa. “No envio das cartas consultas, Nova Odessa já havia feito o pedido de R$ 1,3 milhão para projetos na área de resíduos sólidos. Como nenhuma outra cidade que compõe o Consórcio tinha feito o mesmo, autorizamos que a verba solicitada fosse utilizada pelo Consórcio, em benefício de todo o grupo de cidades do qual Nova Odessa faz parte”, comentou o prefeito Samartin.

Bacchim lembrou que a verba de R$ 1,3 milhão do PAC 2 será investida na criação de um projeto executivo de âmbito regional para soluções na área de resíduos sólidos (lixo doméstico). “Após este projeto estar pronto, poderemos buscar recursos para a implantação destas soluções para nossos municípios”, comentou o prefeito de Sumaré.

Estiveram presentes na reunião desta segunda os prefeitos de Nova Odessa, Manoel Samartin, de Sumaré (e presidente do Consórcio), José Antonio Bacchim, de Hortolândia, Ângelo Perugini, e de Santa Bárbara d’Oeste, Mário Heins. As demais cidades que compõem o Consórcio – Americana, Capivari, Elias Fausto e Monte Mor – foram representadas por técnicos.

Nova Odessa será representada na reunião da Caixa no dia 7 de abril pelo gerente de Convênios e Contratos, Ben-Hur Gomes.

Mirela Leme