capiv.png
eliasf.png
hotolan.png
montem.png
novaod.png
santab.png
sumar.png

CONSIMARES - 2019 | Todos os direitos reservados.

Buscar

Lixo marinho prejudica ecossistemas econômicos




O Relatório “PREVENÇÃO AO LIXO MARINHO – AGORA!” foi elaborado pela “Força-Tarefa de Lixo Marinho” que é uma parceria internacional liderada pela ISWA, com o objetivo de explorar e estabelecer claramente o vínculo entre gestão eficiente de resíduos e prevenção de resíduos que atinge nossos oceanos. Práticas adequadas de gestão de resíduos possuem papel chave para reduzir o lixo marinho. O setor de resíduos e recursos é vital para assegurar soluções imediatas e de longo prazo para prevenção da poluição marinha.


O lixo marinho prejudica os ecossistemas e os setores econômicos marítimos, como o turismo e a pesca. Também afeta outros ambientes aquáticos que são vitais para as sociedades humanas, como os rios. A extensão dessa poluição é global, com partículas de plástico detectadas em todos os oceanos do mundo – mesmo os ambientes mais remotos e intocados, além já ter entrado na cadeia alimentar.


“Este relatório é apenas um marco fundamental no esforço para construir uma parceria global, capaz de identificar e permitir a implementação das soluções preventivas mais apropriadas para manter os plásticos fora de nossas vias navegáveis, rios, mares e oceanos.” Antonis Mavropoulos (Presidente, ISWA).


Clique aqui para download.

1 visualização