NOTÍCIAS

Buscar

As contas do exercício de 2020 do Consimares (Consórcio Intermunicipal de Manejo de Resíduos Sólidos da Região Metropolitana de Campinas) foram aprovadas na terça-feira (02/03) pelo Conselho Fiscal. A aprovação se deu de forma unânime pelos vereadores conselheiros das sete cidades participantes do consórcio, que estiveram reunidos no auditório da Prefeitura de Nova Odessa durante a primeira reunião ordinária do grupo em 2021.


A reunião foi presidida pela vereadora de Elias Fausto, Ketlen Vieira, eleita na assembleia realizada no mês passado e contou com a presença dos vereadores Adilson Paranhos (Monte Mor), Levi Tosta (Nova Odessa), Bachin Jr (Santa Bárbara d’Oeste), Rudinei Lobo (Sumaré) e Vinícius Scarso (Capivari), do superintendente do Consimares Valdemir Ravagnani e do secretário Executivo do Consimares Fábio Orsi. O prefeito anfitrião, Cláudio José Schooder, o Leitinho, acompanhado do Chefe de Gabinete, coronel Carlos Fanti, compareceu no auditório da Prefeitura para desejar boas vindas e bons trabalhos aos membros do conselho fiscal.


Durante a reunião, o Conselho Fiscal analisou o Relatório de Atividades, bem como do Balanço Patrimonial e demais Demonstrações Contábeis referentes ao exercício de 2020. O Conselho Fiscal, por unanimidade, afirmaram que os documentos analisados refletem adequadamente, em todos os aspectos relevantes, a situação patrimonial, financeira e de gestão do Consórcio.

“A prestação de contas do exercício de 2020 do Consimares segue as normas impostas pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo e também atende à Lei de Responsabilidade Fiscal”, comentou Fábio Orsi, secretário Executivo do Consimares.

Pelo contrato de rateio, em 2021, serão destinados para o Consórcio cerca de R$ 650 mil. O valor será rateado, de forma proporcional a geração de resíduos sólidos residenciais, entre os municípios de Capivari, Elias Fausto, Hortolândia, Monte Mor, Nova Odessa, Santa Bárbara d’Oeste e Sumaré.

4 visualizações0 comentário

A vereadora Ketlen Evelin Silva Vieira, de Elias Fausto, é a nova presidente do Conselho Fiscal do Consimares (Consórcio Intermunicipal de Manejo de Resíduos Sólidos) para o biênio 2021/2022. A eleição foi realizada na manhã de quinta-feira (18/02), no auditório da Prefeitura de Nova Odessa, durante assembleia geral do consórcio. O Consimares foi criado em 22 de janeiro de 2009 tendo como principal objetivo compatibilizar uma gestão integrada dos resíduos sólidos urbano.


O presidente do Consimares e prefeito de Elias Fausto, Maurício Baroni, esteve presente e foi acompanhado na abertura do encontro pelo secretário municipal de Governo de Nova Odessa, Marco Russo, representando o prefeito anfitrião Cláudio José Schooder, o Leitinho.

“O Consimares é um consórcio de referência nacional e seu trabalho não está voltado apenas para a questão do lixo, do resíduo sólido, mas as suas ações vão além, se preocupando com o bem estar dos cidadãos de toda a nossa grande região. Em Nova Odessa, a pedido do prefeito Leitinho, estamos trabalhando junto com o Consimares para que possamos viabilizar uma sede própria (para o órgão), para que ele ganhe ainda mais representatividade”, declarou Russo.


O presidente do consórcio destacou a importância do Conselho Fiscal e da participação dos vereadores em benefício das sete cidades que integram o Consimares. “Os senhores e as senhoras possuem um papel superimportante, e contamos muito com a participação de todos vocês para a consolidação dos trabalhos e implementação de ações previstas dentro do Novo Marco Regulatório de Saneamento aprovado no ano passado”, destacou Baroni.

A nova presidente do Conselho Fiscal, Ketlen Evelin Silva Vieira, assumiu seu primeiro mandato em janeiro na Câmara de Elias Fausto e espera contribuir com os trabalhos do consórcio em busca da sua evolução. “Coloquei meu nome à disposição em um assunto de extrema relevância para a nossa cidade de Elias Fausto e região. Agradeço a confiança dos demais vereadores que estarão juntos participando como conselheiros. O Consimares é referência no Brasil em gestão de resíduos sólidos e nosso compromisso é de poder contribuir”, disse Ketlen.


Na oportunidade, também foram eleitos como conselheiros os vereadores Adilson Paranhos (Monte Mor), Oswaldo Bachin Júnior (Santa Bárbara d’Oeste), Rudinei Lobo (Sumaré), Márcia Cristina Campos (Hortolândia), Vinícius Scarso (Capivari) e Levi Tosta (Nova Odessa).

Segundo o superintendente do Consimares, o engenheiro agrônomo Valdemir “Mimo” Ravagnani, o processo foi disputado, com a participação de vereadores das sete cidades que compõem o consórcio (Nova Odessa, Sumaré, Hortolândia, Santa Bárbara, Monte Mor, Elias Fausto e Capivari). “Isso demonstra a seriedade do Consimares e a importância do conselho fiscal na gestão e nas ações que fazemos”, destacou Ravagnani.

Para o secretário-executivo do consórcio, Fabio Orsi, a competência dos conselheiros é relevante para o processo, uma vez que eles são os fiscalizadores do processo e dos administradores. “Não temos tido problemas com o Tribunal de Contas do Estado nem com os associados, pois os nossos trabalhos e ações são bem gerenciados e contam com um conselho atuante”, concluiu.


No próximo dia 02 de março, a partir das 9h, novamente em Nova Odessa, acontece a primeira reunião do Conselho Fiscal. Será discutida a prestação de contas do Consimares. “Temos até o fim de março para avaliar as contas da entidade e encaminhar o parecer para o Tribunal de Contas do Estado”, finalizou o superintendente Mimo Ravagnani.

8 visualizações0 comentário



3 visualizações0 comentário